Como colocar em prática o Visual Merchandising através dos materiais?

admin julho 23, 2020

No artigo anterior falamos sobre o que é visual merchandising e a sua importância na decisão de compra no PDV. Para aprofundar um pouco mais, confira a seguir as dicas de materiais com alto impacto no ponto de venda.

O planejamento operacional do visual merchandising visa expor os produtos de maneira assertiva no PDV, para gerar os impulsos de compra a partir da experiência local. O mais comum a se explorar no ponto de venda são os expositores da sua marca/produto.

Os expositores ou materiais de exposição personalizados são os determinantes para a escolha do cliente no local de compra. Para entender quais são esses materiais e qual deles se encaixa melhor no seu projeto, listamos 11 exemplos abaixo:

1- DISPLAY DE BALCÃO

Esse tipo de display é estrategicamente posicionado geralmente com produtos de valor mais baixo e ficam nos caixas como por exemplo em padarias, supermercados, restaurantes, expondo geralmente balas, chicletes e chocolates para agregar venda no ato do pagamento.

2- DISPLAY DE CHÃO

Esse tipo de expositor é bem comum. Os displays de chão permitem mobilidade do produto, centralizando em um só material, destacando a marca em meio aos concorrentes.

3- ILHA

As ilhas também funcionam como os displays de chão, porém, são maiores, parecidos com mini quiosques. As ilhas permitem visibilidade 360º do produto e funcionam como ponto extra de vendas, permitindo assim o reforço de marca.

4- BANNER PORTÁTIL

O banner é um clássico do visual merchandising. Utilizado para expor as informações do produto, fazem complemento aos expositores, podendo também ser usado em ações promocionais no local. Geralmente produzido por lona impressa e tripé, é de fácil armazenamento e locomoção.

5- PONTA DE GÔNDOLA

As pontas de gôndola nos supermercados, por exemplo, fazem com que o cliente se depare primeiro com o seu produto nas prateleiras antes mesmo dele entrar no corredor. Pelo destaque do produto, geralmente as marcas optam por custear essa ação com lançamento de uma linha nova ou uma grande promoção.

6- RÉGUA DE GÔNDOLA

As faixas ou régua de gôndolas permitem um reforço de marca, pois são expostas juntamente com o produto nas prateleiras, “selando” o apelo visual e permitindo destaque em meio aos produtos ao lado.

7- CLIP STRIP OU FITA CROSS

Você já deve ter visto uma tira de produtos no meio das prateleiras, não é mesmo? Imagine uma papelaria com cola, papel, cadernos e tesoura e no meio dessa prateleira uma tira cheia de fitas adesivas de uma marca específica. Essa ação é realizada para  aproveitar o complemento dos produtos ao lado permitindo a venda cruzada.

8- ADESIVO DE CHÃO

Esse tipo de material funciona como sinalizador do produto ou até mesmo apenas a divulgação em si, sendo usualmente colocado próximo ao local de exposição para destacá-lo. Pode também ser usado para sinalizar um “caminho”, fazendo com que o cliente caminhe até ele. Precisa ser resistente ao alto tráfego, escolhendo bem o material que será produzido de acordo com a necessidade do estabelecimento.

9- MÓBILE

Os móbiles são materiais que ficam pendurados por fios de nylon no teto visíveis frente e verso ou em formato de cubos. A disposição aérea chama a atenção do cliente por serem visualizados a longa distância, despertando interesse e curiosidade na leitura e, consequentemente, na conversão de vendas.

10- WOBBLER

O wobller é uma peça de acrílico transparente adesivada, utilizado para sobressair em meio ao produto, sendo fixado geralmente em prateleiras, computadores de caixa, nas gôndolas, etc. Por serem pequenos, há pouco espaço para informações, portanto, as mensagens devem ser de alto impacto e ações promocionais objetivas para direcionar a mensagem ao cliente.

11- TOTEM (promocional, dobrável ou pessoa)

Existem diversos modelos de totens no mercado, cada qual para uma funcionalidade específica. Os totens promocionais funcionam como o banner, mas com uma estrutura reforçada, podendo ser confeccionados em materiais como PVC, MDF, com projetos de iluminação e sons, por exemplo. Os totens dobráveis e automontáveis são usuais em stands de feiras ou ações promocionais, facilitando no transporte, montagem e desmontagem. Já o totem pessoa funciona como um display em tamanho real com corte e impressão, permitindo uma imagem referencial (de uma personalidade, por exemplo) divulgar a marca em modo estático, fazendo o cliente associá-la à marca ou  o produto.

Vamos lá?

Está procurando uma empresa para te auxiliar nas campanhas publicitárias ou de trademarketing de varejo? Nós da Mundial Logistic Group auxiliamos no seu projeto visual com planejamento personalizado. Entre em contato conosco e saiba mais! https://mundiallogisticsgroup.com.br/ Mundial Logistics FAZENDO MARCAS VENDEREM MAIS.

Gostou das dicas? Entre em contato com a gente!

Fale Conosco

Mensagem enviada com sucesso!